LOJA CREDENCIADA COMGAS

 


  • SISTEMA GNV - BRC- SEQUENT - 5ª. GERAÇÃO
    (INJEÇÃO ELETRÔNICA DE GNV)



    .A partida no motor é sempre feita no combustível original. Após a partida no veículo, dentro de uma lógica programável, a troca de combustível líquido para o GNV ocorre automaticamente e de forma suave.
    .Seu funcionamento é em série e utiliza os mesmos critérios do sistema de injeção original do veículo.
    .A alimentação do motor ocorre através de bicos injetores de gás com pressão positiva.
    .Retorna automaticamente ao combustível original sempre que o GNV acabar. Como esta substituição é suave, um alarme sonoro indicará a troca de combustível.
    .Os componentes emuladores de injetores, emuladores de sonda e variador de avanço são integrados ao Módulo Central de Comando.
    .Versões para quatro, cinco, seis e oito cilindros.
    .Todas as ferramentas para instalação são exclusivas do Sequent Fast Ness e desenhadas para serem utilizadas no kit.



    Sistema de Injeção Direta Seqüencial 5ª GERAÇÃO
     
    Da experiência da gigante italiana BRC, nasce SEQUENT, o novo sistema de injeção sequencial para GNV da BRC, que significa a menor perda de potência possível em veículos movidos a GNV no mercado mundial.
    Destinado a todos os motores, inclusive os equipados com turbo, coletores de fluxo variável, coletores plásticos e blowers, câmbios automáticos, tiptronic, flex e aqueles com alta tecnologia e alto custo.
    Desenvolvido e fabricado pela BRC, líder mundial em equipamentos para GNV e representado no Brasil pela sólida White Martins, o Sequent foi inicialmente destinado a conversões de veículos novos, hoje é de longe o equipamento mais instalado em veiculos convertidos de fábrica zero km no mundo inteiro.
     
    REDUTOR DE PRESSÃO

    É o redutor para instalações a GNV dedicado para o sistema Sequent Fastness.
    O redutor é constituído de dois estágios de redução, que têm a função:

    Receber o nível de pressão do GNV vindo do cilindro (pressão de carga de cerca de 220bar) reduzir o GNV a uma pressão intermediária, na ordem de 500 - 600 kPa (5 - 6 bar) no primeiro estágio, manter o calor necessário para evitar um excessivo resfriamento do combustível devido à expansão.
    Reduzir o GNV a uma pressão final desejada, na ordem de 200 kPa (2 bar), útil para alimentar o sistema de injeção.
     
    INJETORES

    Versão com injetores BRC, sensor de pressão e temperatura gás e junção para mangueira para aplicações Sequent Fastness
     
    CENTRALINA "FLY SF" (FAST E SEQUENT FASTNESS)

    Trata-se da central operacional que controla o sistema completo. É fabricada completamente com componentes automotivos, é apta a suportar a temperatura do vão motor.
    É impermeável e atende às normas relativas à compatibilidade eletromagnética. No seu interior se encontram componentes de recentíssima concepção (microprocessador Motorola de 32 bits), dotado de uma velocidade de elaboração dos dados superior àquela da maioria dos módulos de injeção da gasolina originais.
    A memória que armazena o programa e os dados de calibração não é volátil, por isso, uma vez programada, a centralina Fly SF pode também ser desconectada da bateria sem medo de perder os dados. Pode ser programada mais vezes sem problemas, por exemplo pode ser transferida de um veículo para outro e programada.
    EXEMPLOS DE MOTORES INSTALADOS COM O SEQUENT
    INJEÇÃO DIRETA DE GNV

    MAIS ILUSTRAÇÕES CLIQUE AQUI


    Systemgas

    Orçamento

    É RÁPIDO E SIMPLES!!!

    Voltar